Siga-nos

Jogos e Resultados

Ufa!!! Guarani sai na frente, sofre o empate, mas consegue sua segunda vitória na Série B

Publicado

em

Segunda vitória na Série B, Guarani 2x1 São Bento - Foto: Marcos Ortiz - Planeta Guarani.

Ufa! Depois de oito jogos finalmente saiu a segunda vitória do Guarani na Série B do Campeonato Brasileiro, e veio depois de algumas mudanças no time titular. Depois de uma semana tumultuada que começou com a derrota em casa para o Cuiabá, o técnico Roberto Fonseca fez algumas mudanças, além de nominais na escalação, no sistema de jogo, partindo pra um 4-4-2.

O Bugre jogou com Jefferson Paulino; Lenon, Luiz Gustavo, Brunno Lima e Bruno Souza; Deivid, Ricardinho (Vitor Feijão), Igor Henrique e Bady (Filipe Cirne); Davó e Michel Douglas (Deivid Souza).

As novidades no time foram as entradas de Brunno Lima no lugar de Ferreira, Bruno Souza no lugar de Giaretta, e a dupla de atacantes Diego Cardoso e Vitor Feijão que deram lugar ao volante Igor Henrique e ao atacante Matheus Davó.

E deu certo, o Bugre abriu o placar muito cedo, logo aos 30 segundos de jogo. Bruno Souza fez o lançamento para Michel Douglas pela esquerda, ele cruzou para a entrada da grande área, a zaga do São Bento falhou e Igor Henrique apareceu pra bater bonito, de primeira no canto direito de Gabriel Felix, sem nenhuma chance de defesa, um belo gol abrindo o placar. Igor Henrique, volante que voltou ao time nesta partida, um belo gol, Guarani 1×0 São Bento, alívio e festa no Brinco de Ouro.

Com o gol cedo o Guarani finalmente poderia ter tranquilidade em campo e construir uma vitória e poderia ter ampliado pouco depois. Aos 06 minutos Bady cobrou escanteio pela esquerda, a bola fio ajeitada no segundo pau e Luiz Gustavo bateu de primeira, dentro da grande área, a bola saiu perigosa, mas por cima do gol, quase o segundo.

Apesar da vantagem no placar, o jogo ficou equilibrado, o São Bento perdendo o jogo tentava se armar para surpreender e chegar ao empate, com as mudanças o Guarani apresentava uma defesa mais sólida e conseguia, principalmente com Luiz Gustavo, afastar os riscos.

Chance de gol só aos 25 minutos, depois que Davó fez grande jogada individual e foi derrubado na meia pelo lado esquerdo, Brunno Lima partiu pra cobrança e pegou bem, mas a bola saiu à direita do goleiro Gabriel Felix, levando muito perigo.

Não era uma grande atuação, a evolução da equipe era mais na questão da vontade do que na técnica. Aos 36 minutos, por reclamação, Ricardinho recebeu cartão amarelo, mas mesmo não fazendo uma grande partida, o Guarani perdeu outra grande oportunidade aos 44 minutos.

Depois de uma cobrança de falta pela a bola chegou até Davó que conseguiu ajeitar no rebote pra Igor Henrique, o volante chegou batendo pro gol de primeira, mas desta o goleiro Gabriel Felix fez grande defesa, praticamente a queima roupa e evitou o segundo gol.

Final de primeira etapa, Guarani 1×0 São Bento com um time ao menos mais voluntarioso em campo, restava todo o segundo tempo para que a equipe conseguisse confirmar a vitória e o time voltou do intervalo com a mesma formação.

E logo aos 02 minutos o Guarani perdeu mais uma grande oportunidade, outra grande jogada de Davó pela esquerda e ele tocou bem a bola para Bady na entrada da grande área, o meia bateu forte, rasteiro no canto direito e de ponta de dedos o goleiro desviou a bola pra escanteio, ela saiu raspando o pé da trave.

Jogador do São Bento impedido recebe a bola e dá o passe para o gol. Lance irregular no gol de empate. Imagem: Reprodução -Premiere FC.

Mas não seria fácil, aos 05 minutos o São Bento empatou num belo gol, mas que deveria ter sido anulado. Depois de uma troca de passes no último toque do ataque do São Bento a bola foi até Minho que estava impedido atrás da zaga Bugrina (imagem), ele dominou a bola, o árbitro e o auxiliar não marcaram a posição irregular e ele tocou para Vinicius Kiss fora da área que soltou uma bomba acertando o ângulo direito de Jeffeson Paulino, sem nenhuma chance de defesa. Um golaço, mas repetindo, surgido de uma jogada irregular e o São Bento empatava o jogo no Brinco, Guarani 1×1 São Bento.

Pronto, clima tenso de novo, Torcida agitada e nervosa e o time que até teve chances, mesmo não fazendo uma grande atuação, voltava a repetir os mesmos erros, principalmente no setor ofensivo. Alias, depois de chegar ao empate o adversário abriu a caixa de ferramentas e contou com a ajuda do árbitro que deixou de marcar várias faltas a favor do Guarani.

Aos 15 minutos Roberto Fonseca fez sua primeira alteração, saiu Bady para a entrada do estreante Filipe Cirne. Pouco depois, aos 20 minutos veio a segunda, saiu Ricardinho para a entrada de Vitor Feijão. O Guarani pouco criava e a Torcida já se irritava, o time não conseguia fazer a bola chegar ao meio de campo, voltava a apostar nas ligações diretas da defesa para o ataque.

Aos 34 minutos surgiu a jogada que terminaria com o segundo gol, Vitor Feijão foi lançado na entrada da grande área e foi derrubado pelo zagueiro Guilherme Romão e finalmente o árbitro marcou. Pênalti para o Guarani! Mas não quer dizer que não teria sofrimento, pelo contrário, aos 36 minutos Michel Douglas partiu pra cobrança, tentou o canto esquerdo do goleiro que acertou o canto e fez a defesa, no rebote a bola sobrou no pé de Vitor Feijão, ele tentou bater pro gol, acabou chutando em cima da marcação e a bola sobrou pra Michel Douglas na pequena área, ele bateu firme, pro fundo do gol. Michel Douglas marca seu segundo gol pelo Guarani e o Bugre volta à frente do placar, Guarani 2×1 São Bento, faltava pouco tempo e o Torcedor Bugrino já começava a ver a vitória finalmente lhe sorrir. Ufa!!!!

Aos 39 minutos Fonseca fez sua terceira alteração, saiu Michel Douglas para a entrada de Deivid Souza, a expectativa da Torcida era para a entrada de Renanzinho, o que provocou algumas vaias nas arquibancadas. Aos 41 minutos Vitor Feijão e Dudú Vieira se estranharam na linha de fundo e o árbitro deu cartão amarelo para os dois jogadores.

O árbitro ainda deu 04 minutos de acréscimos, mas desta vez o Bugre conseguiu se segurar e voltou a comemorar uma vitória! Fim de jogo no Brinco, Guarani 2×1 São Bento e o Bugre conseguiu vencer no momento de maior pressão até aqui na competição, depois de uma semana extremamente tumultuada. Com essa vitória o time não deixou a zona do rebaixamento, mas conseguiu ganhar momentaneamente duas posições ultrapassando o América-MG e o Vitória que ainda joga neste sábado, e agora fica de olho no resultado do Vila Nova, primeiro time fora do Z4, neste momento dois prontos à frente do Bugre na classificação.

Nada como uma vitória, ainda que sofrida, mas é preciso dizer que, mesmo vencendo, a única mudança na equipe foi no aspecto “vontade”, o time não se arrumou, apresentou sim uma defesa mais sólida,oque já é um avanço, mas em termos de armação de jogadas e finalização, precisa melhorar muito.

Porém a vitória valeu e valeu muito! Três pontos, finalmente! Agora o time não terá tempo de recuperação e volta a campo já na próxima segunda feira para um jogo dificílimo no Recife, contra o Sport.

Marcos Ortiz

Advertisement
Advertisement

Radio PG – Gol de Vitória 0x1 Guarani


	
	
	

Clique para ativar o som

Próxima Partida – 21/09 11:30

Brasileiro - Série B

Guarani FC X Paraná-PR

Campeonato Brasileiro - Série B

+ Recentes

Copyright © Planeta Guarani - Todos os Direitos Reservados - Permitida Divulgação Apenas com Preservação da Fonte - Desenvolvido por: OZ Sites.