Siga-nos

Entrevistas

Osmar Loss quer time equilibrado, promete trabalho pés no chão e sonha com Junior Dutra

Publicado

em

Foto: Letícia martins - Guarani FC.

Quem falou nesta quinta feira em entrevista à Radio Central de Campinas foi o técnico do Guarani Osmar Loss, que falou sobre diversos aspectos, entre eles a possibilidade de contratação de jogadores do Corinthians, seu ex clube:.

O Corinthians é um revelador, desde que cheguei lá em 2013 é um clube que aprendeu a formar jogadores e tem jogadores interessantes que podem fazer parte sim do projeto do Guarani, mas acredito que temos que ser criteriosos, não é porque está no Corinthians que vai levar pro Guarani, ou pelo fato de ter trabalhado comigo, tem que pensar na coletividade, juntar as peças que estamos contratando de fora e juntar pra ver se esses jogadores se adequam”, disse Loss.

É possível (que cheguem jogadores do Corinthians), não dá pra gente garantir nada, mas é possível. A gente faz sondagens ao jogador, mas ele tem que ter interesse de jogar pelo Guarani, não queremos que seja nada forçado. Muitas vezes jogador está esperando clube de Série A como foi o Paulo Roberto (volante) que foi pro Fortaleza, o Yago (zagueiro) que acabou indo pro Goiás, esses dois a gente tinha tentado uma negociação que não andou porque eles fizeram a opção de jogar a Série A do Brasileiro, mas podemos optar por jogadores do Corinthians, acho que quanto mais perto do começo de janeiro quando começarem a se definir quem serão os titulares nas equipes, podem surgir bons nomes pra gente”, concluiu.

Outro nome questionado durante a entrevista foi do atacante Junior Dutra: “Ele ainda tem contrato de empréstimo vigente com o Fluminense, tem contrato com o Corinthians, ainda não definiu seu futuro e pode interessar sim, a gente depende da vontade dele, precisamos de um pouco de ajuda financeira pra não fugir da nossa realidade, mas é um jogador interessante sim”.

Na sua quarta equipe profissional, antes ele dirigiu Bragantino Juventude-RS, Bragantino e Corinthians, Loss falou sobre seu momento atual como profissional: “Com certeza estou preparado, uma pessoa que treina uma equipe como é o Corinthians no cenário nacional tem que estar preparada, essa experiência me tornou mais capacitado ainda. A confiança do Torcedor do Guarani vai ser conquistada no nosso dia a dia, na nossa forma consciente de fazer futebol no Guarani, sem trocar os pés pelas mãos, com bons resultados dentro do campo, boas atuações. Certamente essa sinergia entre clube, Torcedor, comissão técnica e jogadores vai evoluir e se tornar sólida como precisa ser”.

A gente sabe e conhece a força da Torcida do Guarani e isso foi uma das coisas que nos moveu a aceitar esse convite do clube, sei o quanto a Torcida do Guarani é presente e apaixonada e certamente ela, do lado do clube, a favor dos seus jogadores, a favor da sua equipe, torna a gente muito mais forte e a gente espera construir essa relação de confiança e credibilidade pra tornar o Guarani forte”.

E Loss também deu mostras de como quer o time do Bugre sob seu comando: “Acredito que o futebol tenha que ter equilíbrio, uma equipe que trata bem a bola e consegue dominar o jogo com posse de bola e sendo forte ofensivamente tem mais chances, mas cada jogo tem uma história, a gente vai fazer um Guarani sólido, um Guarani que ataque com força, que se defenda bem, um time equilibrado que privilegie o jogo com a bola, mas equilibrado acima de tudo”.

O treinador falou também sobre o meia Rafael Longuine: “Ele é atleta do Santos, um jogador que teve uma temporada muito boa no Guarani, foi um dos expoentes na temporada e temos algumas conversas e pedidos pra que a diretoria tente os esforços possíveis pra manter jogadores que se destacaram na temporada passada”.

Nos apresentamos dia 27 à tarde, temos trabalhado cm os pés no chão e a segurança da parte administrativa nesta parte burocrática pra que possamos ter o maior número de atletas possível. Independente do número, até porque alguns atletas tem férias até o dia 02 de janeiro, vamos começar o trabalho preparando a equipe pra estreia”.

Vindo do Corinthians, um time que vive uma realidade diferente no campo financeiro, Loss disse que não se preocupa com a diferença de patamar: “Quando eu aceitei o convite do Guarani eu já sabia disso, treinador se adapta à realidade e sou muito consciente quanto à questão orçamentária, foi um dos tópicos que discutimos quando aceitei o projeto do Guarani. Sei que a condição é de fazer um time sólido e por isso não podemos errar nas contratações, temos que ser cautelosos e criteriosos pra minimizar o máximo o erro nas contratações e não ferir nosso orçamento na temporada”.

Por fim o treinador foi questionado sobre as propostas de Gestão Compartilhada no futebol e revelou que inclusive conversou com os dois grupos antes de aceitar o convite do Bugre: “Quando começamos a discutir não entramos neste mérito, mas este processo é muito claro, mas me foi deixado claro que acima de qualquer interesse está o do Guarani. Quando a gente tem essa decisão do presidente fica muito mais fácil, teno que fazer o que, na visão da comissão e da diretoria, são importante e decisivas pro Guarani, independente da parceira que possa fazer parte do processo. Olho pro Guarani, tomo as decisões pensando no Guarani e não em outras frentes, antes de aceitar o convite conversei com o representante da Magnum perguntando se meu nome era de agrado caso eles acertassem a gestão e me disseram que não haveria nenhum problema, eu não queria ter nenhum problema lá na frente, dois ou três dias depois me encontrei com o Fernando Garcia (Elenko) e o Fred da Traffic e fiz a mesma pergunta pra eles, a resposta também foi positiva, dizendo que gostariam de contar com meu nome caso assumissem a gestão e isso me fez tomar a decisão de aceitar, não teremos problema nenhum caso haja uma gestão no futebol do Guarani”.

Portanto, Osmar Loss começa a preparação da equipe no dia 27 de janeiro à tarde, conta ainda com a chegada de jogadores por empréstimo do Corinthians, inclusive com o atacante Junior Dutra e quer um time que trabalhe bem a bola, mas que seja forte na marcação para um bom trabalho no campeonato Paulista e na Copa do Brasil, as competições do primeiro semestre.

 

Marcos Ortiz

Advertisement
Advertisement

Guarani 0x2 Vila Nova


	
	
	

Clique para ativar o som

Próxima Partida – 20/08 19:15

Brasileiro - Série B

Operário-PR X Guarani FC

Campeonato Brasileiro - Série B

+ Recentes

Copyright © Planeta Guarani - Todos os Direitos Reservados - Permitida Divulgação Apenas com Preservação da Fonte - Desenvolvido por: OZ Sites.