Siga-nos

Marcos Ortiz

Opinião: Perspectivas para o final do turno e o 2º turno do Bugre na Série B

Publicado

em

Foto: Marcos Ortiz - Planeta Guarani.

Nesta semana termina o primeiro turno do Campeonato Brasileiro da Série B. Às 21:00 do sábado (04/08), Sampaio Corrêa e Criciúma disputam a última partida da primeira metade da competição.

O Bugre joga na véspera, nesta sexta feira o time entra em campo em Londrina contra a equipe local e nesta partida definirá qual sua colocação ao final dos primeiros 19 jogos, se no G4, entre os 10 primeiros colocados, ou na segunda página da tabela de classificação. Não que seja tão importante, mas atualmente na nona colocação, para entrar no G4 ao final desta rodada a equipe precisa de uma série de combinações de resultados, vamos a elas:

Antes de mais nada, toda e qualquer combinação para que isso aconteça passa por uma vitória Bugrina em Londrina, apenas com esse resultado e com essas combinações abaixo o Bugre termina a 19ª rodada na quarta colocação:

Sábado, 04/08 – Fortaleza x Coritiba – Nesta partida o Coritiba não pode vencer, se perder para o Fortaleza o Guarani ultrapassa o Coritiba em pontos, se empatar, o Guarani ultrapassa o Coritiba no número de vitórias.
Sábado, 04/08 – Brasil-RS x Goiás – Nesta partida o Goiás não pode vencer, se perder ou empatar, o Guarani ultrapassa o Goiás em pontos.
Sábado, 04/08 – 16:30 – Vila Nova x São Bento – Nesta partida o Vila Nova não pode vencer, se perder ou empatar, o Guarani ultrapassa o Vilia Nova em pontos.
Sábado, 04/08 – 19:00 – aapp x Avaí – Infelizmente nesta partida o Avaí não pode vencer, se empatar ou perder (melhor que empate), se empatar, o Guarani ultrapassa o Avaí no número de vitórias, se perder ultrapassa em pontos.

Outra equipe à frente do Guarani é o Figueirense que já jogou na rodada e empatou por 0x0 com o CRB, congelando nos 29 pontos. Se vencer o Londrina o Guarani ultrapassa o Figueirense no saldo de gols.

Opinião

Considerando que o importante é estar próximo ao grupo dos quatro primeiros colocados neste momento da competição, é fundamental que o Guarani vença fora de casa e encerre o primeiro turno comemorando uma vitória para, no segundo turno, recuperar pontos importantes perdidos em jogos nos quais vencia seus adversários e cedeu o empate, ou sofreu gols, quase sempre nos minutos finais, e deixou resultados importantes escaparem.

No segundo turno, com novas opções, novos jogadores à disposição e uma filtragem no elenco atual que será inevitável com a saída de alguns atletas, o Guarani poderá fazer uma campanha estável e ai sim, brigar para estar no G4 ao final da 38ª rodada comemorando um acesso importantíssimo para o futuro do clube.

Enfim Time Diferente

Para a segunda metade da competição Umberto Louzer terá à sua disposição algumas peças importantes em posições carentes no elenco como: O goleiro Agenor, o zagueiro Fabrício Carioca, o zagueiro Ferreira, o volante Fabrício, o atacante Jefferson Nem e o atacante Marcão que estará em condições físicas ideias, pronto para disputar a titularidade.

Num esboço de escalação, a equipe ganhará, e ainda deverá receber alguns novos reforços pontuais durante o segundo turno, mas estes jogadores chegaram e terão condições de ganhar a titularidade.

Com estas opções Umberto ganha enfim condições de mudar a formação de acordo com o adversário, podendo reforçar o meio de campo com mais um volante de qualidade, ou em alguns casos atuar com dois ou três atacantes, senão vejamos possíveis escalações:

Mantendo o esquema com três volantes: Agenor; Kevin, Everton Alemão (Philipe Maia), Fabrício Carioca (Ferreira) e Pará; Willian Oliveira, Ricardinho, Fabrício, Matheus Oliveira e Rafael Longuine; Marcão.

Atuando com dois volantes e dois atacantes: Agenor; Kevin, Everton Alemão (Philipe Maia), Fabrício Carioca (Ferreira) e Pará; Willian Oliveira, Ricardinho, Matheus Oliveira e Rafael Longuine; Bruno Mendes (Jefferson Nem) e Marcão.

Atuando com um volante e três atacantes: Agenor; Kevin, Everton Alemão (Philipe Maia), Fabrício Carioca (Ferreira) e Pará; Ricardinho, Matheus Oliveira e Rafael Longuine; Jefferson Nem, Bruno Mendes e Marcão.

E ainda há uma enormidade de variações dentro dessas escalações prováveis que podem representar um ganho de qualidade importantíssimo na equipe. Enfim, diante dessa perspectiva ficou ainda mais importante vencer o Londrina, encerrar este primeiro turno o mais próximo do G4 possível e, ai sim, partir para uma arrancada na segunda metade da competição para tentar brigar por uma das quatro vagas na Série A de 2019.

E a ponta de baixo da tabela? Simples, conseguindo se manter próximo ao G4 a ponta de baixo da tabela, consequentemente, estará mais longe a cada rodada.

Londrina x Guarani, final do primeiro turno para o Bugre e uma vitória faz toda a diferença. Hora de encarar o jogo com a responsabilidade e concentração necessárias, fazer uma partida sólida e tentar voltar pra casa com os três pontos, ai é sonhar e torcer, e isso a gente sabe fazer bem!

 

Marcos Ortiz

Advertisement
Advertisement

Guarani 0x2 Vila Nova


	
	
	

Clique para ativar o som

Próxima Partida – 25/08 11:00

Brasileiro - Série B

América-MG X Guarani FC

Campeonato Brasileiro - Série B

+ Recentes

Copyright © Planeta Guarani - Todos os Direitos Reservados - Permitida Divulgação Apenas com Preservação da Fonte - Desenvolvido por: OZ Sites.