Siga-nos

Marcos Ortiz

Na véspera das inscrições para estreia, uma análise sobre o elenco Bugrino já conhecido

Publicado

em

Elenco Bugrino treina em Monte Sião - Foto: Facebook - Guarani FC.

O regulamento do Campeonato Paulista determina que as inscrições dos jogadores para a disputa da primeira rodada se encerram amanhã (15/01). Os clubes devem enviar para a FPF a relação de jogadores que estarão aptos para a estreia na competição, tanto de lista A quanto de lista B. Mas há um detalhe, a FPF não pode contrariar o Regulamento Geral de Competições da CBF quanto à condição de jogo de um atleta e ele determina que o jogador estará apto a uma partida desde que tenha seu nome publicado no BID da CBF até 24 horas antes da próxima partida.

Assim, esclarecemos que não necessariamente o clube deve registrar os jogadores no BID nesta quarta feira, mas sim apresentarem à FPF as duas listas de atletas para a estreia na competição, e depois poderá providenciar o registro dos mesmos no BID até o prazo limite previsto no regulamento da CBF.

Esclarecido? Então vamos ao elenco Bugrino que nos últimos dias recebeu alguns jogadores pontuais, mas que ainda apresenta carências. Até aqui o Guarani tem, entre  anunciados e já contratados, 25 jogadores, são eles, por posições:

Goleiros: Jefferson Paulino; Matheus Cavicioli e Carlos – A posição está bem definida, aparentemente Jefferson será o escolhido para a titularidade na partida de estreia na competição e há bom equilíbrio nos atletas com a presença de Cavicioli, também credenciado à titularidade e Carlos, bom goleiro, revelado nas categorias de base.

Laterais: Cristovam, Bruno Souza, Thallyson e Bidu – Na tarde de ontem o Guarani divulgou finalmente o nome do seu lateral direito, trata-se de Cristovam, jogador de 29 anos que estava no Ceará disputando a Série A do Brasileiro e teve uma excelente passagem pelo Paraná Clube em 2017 na campanha do acesso. Com a chegada de Cristovam o elenco Bugrino ganhou equilíbrio, é um jogador que defende e ataca com qualidade, será titular da posição. Na esquerda Thallyson parte na frente na disputa pela lateral esquerda, enquanto Bruno Souza e Bidu são opções para o decorrer da competição e o Guarani ainda tem mais uma alternativa, é Pablo, que durante sua formação nas categorias de base do Bugre era lateral direito e depois, no Sub-20, foi deslocado para segundo atacante. Agora um elenco equilibrado e com um jogador de lista B (Bidu).

Zagueiros: Bruno Silva, Ednei, Romércio, Leandro Almeida e Pedro Moraes – Um leve desequilíbrio, o Guarani, aparentemente, terá a dupla de zaga titular formada por Bruno Silva e Leandro Almeida, explica-se: Bruno Silva já vinha na titularidade e Leandro Almeida é o único dos cinco zagueiros que atua pelo lado esquerdo da defesa. Romércio e Pedro Moraes tem basicamente o mesmo perfil, são jovens (22/20 anos), enquanto Ednei, experiente, com 29 anos, parece ser o único em condição de atuar pelo lado esquerdo numa necessidade. São três zagueiros experientes e dois jovens, um deles ainda de lista B (Pedro Moraes).

Volantes: Deivid, Igor Henrique, Lucas Abreu, Eduardo Person, Ricardinho, Marcelo e Pedro Acorsi – Aqui também vemos um elenco equilibrado com ao menos duas opções para cada posição, casos de Deivid e Marcelo (1ºs volantes), Lucas Abreu e Igor Henrique (2ºs volantes) e Eduardo Person e Ricardinho, segundos volantes, mas também jogadores que conseguem sair para o jogo. A titularidade depende basicamente das opções do treinador que pode usar dois ou três volantes em cada partida específica, mas a julgar pelos primeiros treinamentos, Deivid, Lucas Abreu e Eduardo Person largam na frente na briga pela camisa titular. resta ainda um jogador de lista B que é Pedro Acorsi, mas o jogador pode não integrar o elenco, pode terminar emprestado pelo clube para adquirir experiência. O setor também está equilibrado.

Meias: Bady, Mateusinho e Lucas Crispim – Este é o único setor onde o Guarani não conseguiu o equilíbrio desejado até o momento, na formação até aqui, temos apenas um meia que pode ser considerado como armador (Bady) e dois meias atacantes, casos de Mateusinho e Lucas Crispim. Ainda como meia atacante o clube ganha a opção de Giovanny, jovem, com qualidade para fazer esta função em momentos específicos. Prova de desequilíbrio no setor foi a escalação do time que atuou no jogo treino do último sábado com três volantes e apenas Lucas Crispim como meia/atacante. O setor também tem um jogador de lista B (Mateusinho).

Atacantes: Rafael Costa, Alemão, Junior Todinho, Pablo, Giovanny, Bruno Sávio e Renanzinho – Equilibrado. Com duas opções para atacante de referência (Rafael Costa e Alemão) e mais um jogador que pode atuar na posição, caso de Bruno Sávio, o elenco tem ainda outros quatro atacantes de velocidade, ou de beirada de campo, casos de Junior Todinho, Pablo, Giovanny e Bruno Sávio, e também mais um segundo atacante de lista B (Renanzinho).

Sobre a formação do elenco

Até aqui podemos dizer que, em que pese a chegada de nomes criticados por muitos Torcedores, o atraso na chegada de um lateral direito titular e a ausência de um meia armador, o Guarani conseguiu montar um elenco equilibrado, com opções para quase todas as posições, a exceção de fato fica para a meia. Se tivermos que dar uma nota de 0 a 10 para o trabalho ela seria 6.5, podendo chegar a 7 caso o meia seja anunciado nos próximos dias. A perda de pontos acontece por conta de apostas contratadas, mas também pode aumentar a nota caso estas apostas mostrem qualidade com a bola rolando.

O time titular

Aqui temos que levar em conta o que Thiago Carpini levou a campo no jogo treino contra o RedBull, com algumas alterações pontuais de jogadores que chegaram com a missão da titularidade, casos do lateral direito Cristovam e do zagueiro pela esquerda Leandro Almeida, e algumas posições onde a briga pela titularidade está aberta.

Na nossa visão o time titular Bugrino teria, baseado nas peças à disposição atualmente: Jefferson Paulino/Matheus Cavicioli; Cristovam, Bruno Silva, Leandro Almeida e Thallyson/Bidu; Deivid, Lucas Abreu, Eduardo Person/ Mateusinho e Lucas Crispim; Junior Todinho e Rafael Costa/Alemão.

Já falando apenas na estreia, o mais provável é que Thiago Carpini leve a campo a seguinte formação: Jefferson Paulino; Pablo, Bruno Silva, Leandro Almeida e Thallyson; Deivid, Lucas Abreu, Eduardo Person e Lucas Crispim; Junior Todinho e Rafael Costa.

Conclusão

A demora na definição do lateral direito e a até agora não anunciada contratação de um meia armador prejudicam possíveis variações no time neste momento, e deverá prejudicar até a terceira ou quarta rodada, quando esperamos que ao menos esta posição (meia) esteja resolvida.

Das 26 vagas possíveis de serem inscritas o Guarani preencheu 25. Resta apenas uma vaga para que o elenco seja dado como fechado e aqui vemos que o clube não conseguiu cumprir seu objetivo inicial de deixar ao menos três vagas para o decorrer da competição, ou seja, se conseguir encontrar um meia armador nos próximos dias, o Guarani gastará sua última vaga com a inscrição deste jogador e terá os 26 nomes completos.

A saída pode ser não inscrever jogadores que ainda poderiam ser negociados, casos de Bady e Ricardinho, e com isso restariam ao Guarani outras duas vagas para fechar seu grupo de 26 atletas.

lembrando que aqui analisamos apenas a quantidade de jogadores por posição, muitos dos jogadores aqui apresentados teremos que aguardar o desenvolvimento dentro de campo destes jogadores, e isso pode aumentar ou diminuir a nota inicial de 6,5.

 

Marcos Ortiz

Advertisement
Advertisement

A volta da Capa do Gigante


	
	
	

Clique para ativar o som

Próxima Partida

+ Recentes

Copyright © Planeta Guarani - Todos os Direitos Reservados - Permitida Divulgação Apenas com Preservação da Fonte - Desenvolvido por: OZ Sites.