Siga-nos

Entrevistas

Na saída do gramado teve jogador reclamando da Torcida de novo, mas teve quem reconhecesse a péssima atuação também

Publicado

em

Foto: Marcos Ortiz - Planeta Guarani.

Antes de escrever a matéria, fica o recado: Como já disse na matéria do jogo, a vaia é a defesa do Torcedor nas arquibancadas, a defesa do jogador pras vaias é jogar bola. Dito isto, vamos acompanhar o que disseram os jogadores do Guarani após o empate em casa com uma péssima atuação do time diante da Ferroviária no trabalho do repórter Marcos Luiz da Radio Bandeirantes Campinas.

Você pode conferir essas entrevistas no player abaixo:

Depois de muita frescurinha abraçando os jogadores adversários dentro de campo, o primeiro jogador a falar foi o atacante Anselmo Ramon, outro jogador que reclamou da Torcida antes de dar os motivos para a má atuação da equipe. Detalhe a primeira (e única pela resposta) pergunta do repórter foi em tom de brincadeira citando que um Torcedor o havia dito que ele tinha que entrar no jogo (esse era uma das minhas maiores esperanças para o Campeonato Paulista: “Não é bem assim, tem que entrar e tem que jogar, eu tô há praticamente nove meses parado, tô voltando, tô voltando a ter ritmo de jogo, então tem que ter paciência, até mesmo com a nossa equipe porque chega um determinado momento do jogo que a Torcida fica vaiando jogadores, mas acho que precisa esperar o jogo terminar”.

Todas as torcidas por onde a gente vai a gente vê apoiando o time do começo ao fim. A partir do momento que não vem o resultado ai pode haver a cobrança”.

Já o atacante Diego Cardoso foi mais lúcido, reconheceu que os dois últimos jogos foram ruins: “Os últimos dois jogos não foram como a gente quer, mas temos que continuar trabalhando, as coisas vão dar certo e vamos sair com o nosso objetivo que é a classificação” disse o atacante que em seguida analisou os erros da equipe:

“Se erra, erra todo mundo, acho que não encaixou o time todo, temos que continuar trabalhando”, finalizou.

E depois de mais uma chance, desta vez entrando na segunda etapa, sem conseguir jogar um bom futebol de novo, o meia Rondinelly foi o último jogador Bugrino a falar e tenho que reconhecer, ele foi muito melhor no microfone do que com a bola nos pés:

A qualidade deles é notória, eles fizeram isso com alguns adversários, masa gente não pode aceitar isso. mesmo com a Ferroviária tendo um bom time, o Guarani, a Torcida do Guarani merece uma equipe que jogue, que envolva as equipes. Acho que a gente tem que ter consciência disso, mas também temos que ter a cabeça no lugar, o empate hoje também nos deixa firme brigando pela classificação, agora o que temos que fazer é descansar e achar uma foram de conseguirmos jogar um pouco mais”, disse o meia.

 

Marcos Ortiz

Advertisement
Advertisement

Guarani 0x2 Vila Nova


	
	
	

Clique para ativar o som

Próxima Partida – 25/08 11:00

Brasileiro - Série B

América-MG X Guarani FC

Campeonato Brasileiro - Série B

+ Recentes

Copyright © Planeta Guarani - Todos os Direitos Reservados - Permitida Divulgação Apenas com Preservação da Fonte - Desenvolvido por: OZ Sites.