Siga-nos

Marcos Ortiz

Com apenas dois contratados até agora, dá tempo de Roberto Fonseca ter um time novo em 20 dias?

Publicado

em

Roberto Fonseca tem apenas duas caras novas e 20 dias de trabalho. Terá que ter muita competência pra mudar o Guarani. Foto: Letícia Martins - Guarani FC.

Mudou o treinador, mas até que os jogos recomecem e o time mostre evolução dentro de campo e conquiste resultados importantes, a situação do Guarani é a mesma. Roberto Fonseca agora tem 20 dias pra fazer as mudanças necessárias no time, sistema de jogo e entrar em campo buscando finalmente uma vitória, um alívio imediato e que permitam ao Torcedor Bugrino sonhar com algo mais,ainda que seja apenas uma permanência na Série B.

Mas o que mudou no Guarani além do treinador? Nada, ou muito pouca coisa mudou, e já me arrisco aqui a dizer que o clube, se realmente planeja remontar o elenco, não terá tempo hábil para concluir esta mudança e apresentar um time diferente em Maceió, no dia 12/07.

E explico, é simples, um jogador que for apresentado agora, nesta sexta feira (21/06) terá 20 dias, começando a treinar ainda hoje com o elenco para se condicionar fisicamente, adquirir algum entrosamento, ritmo de jogo e entrar em campo contra o CRB. Dá tempo? Sinceramente? Não dá.

Até agora o clube tem Bruno Silva e Vitor Feijão como caras novas apenas.

Piora ainda mais se analisarmos que nenhum jogador chegará nesta sexta feira, se alguém chegar isso acontecerá apenas na semana que vem, se for na segunda feira (24), o prazo será ainda menos, serão apenas 17 dias, mas também é muito difícil que alguém chegue até segunda feira. Quinze dias serão suficientes pra um atleta chegar, se condicionar, treinar, adquirir ritmo de jogo, entrosamento e jogar como titular? Não.

O que eu quero dizer com isso? Simples também, quero dizer que o Guarani trocou seu treinador, o que já mostra que o planejamento foi mal feito, afinal, o perfil de trabalhos recentes de Vinícius Eutrópio já mostrava que ele vinha de passagens curtas e resultados duvidosos, mas ainda assim o departamento de futebol Bugrino apostou nele, e mostra também que o planejamento na formação do elenco foi tão mal feito quanto, afinal, nem mesmo uma parada de quase 30 dias permitirá ao clube apresentar algo novo, totalmente diferente do que vem sendo apresentado até aqui.

O que resta? Apostar que o trabalho do novo treinador surta efeitos e consiga recuperar jogadores que não renderam ou que renderam pouco sob o comando anterior, afinal, o que terá Roberto Fonseca para o reinício dos jogos? Até agora terá apenas um zagueiro novo, que alias não é zagueiro, tem jogado mais como primeiro volante, e ai pode até ser uma boa opção para uma posição carente, mas deixa a lacuna da dupla de zaga novamente aberta, e um segundo atacante.

Fonseca não terá uma dupla de zaga nova, pode até ter um primeiro volante novo, o próprio Bruno Silva, mas não terá um ou dois meias novos. Poderá ter uma dupla de ataque nova formada por Vitor Feijão e Michel Douglas, mas pra isso acontecer Michel terá que ser apresentado e iniciar os treinamentos imediatamente, se não, terá que ser mais um a se adaptar com a bola rolando.

Mas eu pergunto, quanto tempo faz que este jogador está sendo anunciado como provável reforço para o Guarani? Uns de dez dias, e até agora, nada de oficial.

O planejamento é tão ruim que não consegue sequer ser refeito e por isso eu não posso cobrar muita coisa do novo treinador além de um time ao menos acordado e melhor posicionado dentro de campo, e querem ver por que? Vejamos hoje o que terá e o que falta pra Roberto Fonseca escalar um possível time titular na sua estreia:

Jefferson Paulino; Lenon, ?, ? e Armero; Bruno Silva, Ricardinho, Arthur Rezende e ? (Mateusinho ou Igor Henrique); Vitor Feijão (Diego Cardoso) e Michel Douglas (Davó).

Perceberam o que restou a Roberto Fonseca principalmente pensando na primeira partida, sua estreia na competição pelo Guarani? Ele terá que fazer Lenon render mais do que tem rendido, achar entre Ferreira, Xandão, Brunno Lima, Bruno Silva, Giaretta e Thalisson Kelven (que aliás pode sair do clube sem nunca ter jogado nesta inter temporada) uma dupla de zaga. Encontrar uma solução para o meio de campo que pode passar por escalar o único reforço contratado para o setor até o momento, que também pode ser zagueiro (Bruno Silva) e pensar até num possível esquema com três volantes e um meia que pode ser Arthur Rezende, de quem também terá que tirar mais do que já produziu ou Mateusinho que não tem nenhuma característica de meia armador.

E na frente ele terá que decidir se troca tudo de cara e escala Vitor Feijão e Michel Douglas, se escala um deles apenas e aposta ou em Diego Cardoso ou em Davó, ou se aposta nos dois como dupla no recomeço.

Ah, mas o Guarani trará reforços, isso é certo. Até não duvido disso, o que duvido é que o tempo restante pro retorno dos jogos seja suficiente pra que esses reforços entrem em campo logo na retomada das partidas, e alias, não podemos nos esquecer de um outro drama, o próprio Roberto Fonseca precisa da rescisão de Vinícius Eutrópio pra poder estrear à beira do campo. Melhor nem pensar nisso, não é mesmo?

Boa sorte Roberto Fonseca, mas você terá muito trabalho e tomara que dê tempo pra ele ser muito bem feito, porque pra permanecer na Série B você terá que ter um aproveitamento de 44,44% dos 90 pontos que restam a disputar, fazer 40 dos 90 pontos que restam, e pra conseguir o que hoje parece um grande milagre terá que encontrar no mínimo 64,44% dos mesmos 90 pontos conquistando 58 dos 90 em disputa e chegar aos 63 pontos capazes de fazer uma equipe sonhar com o acesso.

Fácil? O aproveitamento do Guarani até aqui é de 20,8%, pra chegar aos 45 pontos terá que ter o aproveitamento do Oeste, atual 10º colocado com 11 pontos ganhos e 45,8% de aproveitamento dos pontos ganhos. Já pra olhar lá pra cima terá que ter o aproveitamento que hoje atingiram Londrina e Botafogo-SP, atuais terceiro e segundo colocados com 66,7%. O desafio é ainda maior observando que estes times tiveram estes aproveitamentos em apenas 8 jogos, já o Guarani terá que atingi-los em 30 longas rodadas.

Realmente o tempo foi perdido até aqui. Uma coisa Roberto Fonseca terá daqui pra frente: Muito trabalho!

A gente se fala…

 

Marcos Ortiz

Advertisement
Advertisement

Guarani 0x2 Vila Nova


	
	
	

Clique para ativar o som

Próxima Partida – 25/08 11:00

Brasileiro - Série B

América-MG X Guarani FC

Campeonato Brasileiro - Série B

+ Recentes

Copyright © Planeta Guarani - Todos os Direitos Reservados - Permitida Divulgação Apenas com Preservação da Fonte - Desenvolvido por: OZ Sites.